Dia Internacional dos Museus

Miúdos e graúdos à ‘boleia’ de automotora e de pequeno comboio a vapor no Dia Internacional dos Museus

O presidente da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto, Francisco Alves, acompanhado pela vereadora da Cultura, Dra. Carla Lousada, pelo presidente e secretário da Junta de Freguesia do Arco de Baúlhe, Carlos Teixeira e Adriano Valente, respetivamente, participou nas atividades que assinalaram hoje, dia 18 de maio, o Dia Internacional dos Museus, iniciativa dinamizada pelo Museu das Terras de Basto.

Os autarcas juntaram-se às crianças do Centro Social de Cabeceiras de Basto e embarcaram numa ‘viagem’ de automotora que saiu à linha num curto trajeto da linha da antiga estação ferroviária do Arco de Baúlhe onde está sediado o Núcleo Ferroviário do Museu das Terras de Basto. A automotora ME5, construída em 1948 nas Oficinas Gerais de Santa Apolónia, movida a gasolina, proporcionou a todos os presentes uma experiência única e muito divertida.

De referir que esta manhã e também durante a tarde, as crianças dos jardins de infância e do Centro Social de Cabeceiras de Basto andaram também no pequeno comboio em movimento designado ‘NETTA’ que foi instalado no largo em frente ao Núcleo Ferroviário do Arco de Baúlhe, uma atividade que contou com o apoio da APAC – Associação Portuguesa dos Caminhos de Ferro.

A automotora ME5 e o pequeno comboio ‘NETTA’ fizeram, assim, ao longo do dia de hoje, ‘as delícias’ a crianças, adultos e seniores neste Dia Internacional dos Museus.

De salientar que aquela automotora, a par das carruagens reais e de outras máquinas a vapor compõem o espólio do Núcleo Ferroviário do Arco de Baúlhe do Museu das Terras de Basto, um museu polinucleado que integra também a Casa da Lã em Bucos e o Núcleo de Arte Sacra na Igreja do Mosteiro de S. Miguel de Refojos.

Recorde-se que ao longo da sua existência, o Museu Terras de Basto tem vindo a dinamizar diversas ações com o intuito de sensibilizar a população em geral, mas sobretudo as crianças e jovens para a importância do museu como parceiro pedagógico.

Os Museus, enquanto instituições culturais, apresentam hoje uma programação cada vez mais dinâmica e diversificada de que se destacam as atividades pedagógicas, tecnológicas e lúdicas, que procuram ir ao encontro, sobretudo, do público mais jovem, estabelecendo formas inovadoras de diálogo entre gerações e culturas.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Actividades educativas, Sem categoria. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s